Boi gordo: mercado encerra a semana em baixa

A herd of cows grazing on the pasture during daytime

Os preços no curto prazo devem seguir sofrendo por conta principalmente dos embargos chineses, o que foi recorrente nos últimos dias.

O mercado físico de boi gordo registrou preços de estáveis a mais baixos nesta sexta-feira (27).

Segundo o analista de Safras & Mercado Fernando Henrique Iglesias, a tendência de curto prazo ainda remete à continuidade desse movimento, uma vez que os frigoríficos ainda operam com escalas de abate bastante confortáveis.

  • PR e RS completam um ano da certificação de área livre de febre aftosa sem vacinação
  • China volta a suspender frigoríficos e mercado acompanha com cautela

“A oferta de animais segue em bom nível neste momento. O pecuarista não se depara com boas condições de retenção, consequência do amplo desgaste das pastagens. Além disso, a movimentação da China optando por realizar embargos a determinadas unidades frigoríficas segue gerando ruídos regionais, moldando o comportamento dos frigoríficos exportadores na compra de gado”, disse Iglesias.

Em São Paulo, Capital, a referência para a arroba do boi ficou em R$ 307. A arroba em Dourados (MS) e Cuiabá (MT) foi indicada em R$ 277.

Já em Uberaba (MG), a cotação foi de R$ 280 por arroba. Em Goiânia (GO) a indicação foi de R$ 270 para a arroba do boi gordo.

Atacado

No mercado atacadista, os preços da carne bovina caíram. Segundo Iglesias, o ambiente de negócios ainda sugere por continuidade deste movimento no curto prazo, mesmo com a entrada dos salários na economia parece haver pouco espaço para reação dos preços. O padrão de consumo delimitado para 2022 ainda indica para amplo consumo de proteínas mais acessíveis no mercado doméstico.

O quarto traseiro do boi foi precificado a R$ 22,80 por quilo. O quarto dianteiro foi cotado a R$ 15,80 por quilo, queda de R$ 0,20.

A ponta de agulha foi precificada a R$ 15,50, por quilo, queda de R$ 0,20.

fonte: canal rural

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Soja: preços caem cerca de R$ 5 por saca no Brasil, seguindo Chicago

Contratos futuros negociados na CBOT tiveram a quarta sessão seguida de perdas Os preços da…

Boi gordo: preços seguem firmes com oferta restrita; arroba em SP vai a R$ 320

Animais padrão China permanecem muito demandados no mercado, carregando ágio de até R$ 30, de…

Plano Safra 2022/23 pode ser lançado na quarta-feira que vem (29)

Segundo presidente da FPA, deputado Sérgio Souza, volume de recursos e taxas de juros do…